Livrar o Brasil de Bolsonaro (13)

No curtíssimo período de 40 dias, Jair Bolsonaro demitiu o ministro das Minas e Energia e dois – dois! – presidentes da Petrobrás que ele mesmo havia nomeado. O quarto presidente que ele indicou para a maior empresa brasileira, Caio Paes de Andrade, secretário de Desburocratização do Ministério da Economia, homem de confiança de Paulo Guedes, não tem qualquer experiência no setor de óleo e gás, conforme afirmou com todas as letras, algumas semanas atrás, o próprio vice-presidente Hamilton Mourão. Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (13)”

O Congresso divorciado do país

Claro que Jair Bolsonaro é de longe o pior de tudo que poderia acontecer ao país. Mas é impressionante como, em outubro de 2018, os brasileiros não apenas elegeram o pior presidente da República da História como também escolheram, se não o pior Legislativo de todos os tempos, um dos piores – com toda, com absoluta certeza. Continue lendo “O Congresso divorciado do país”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (12)

Bradar que está libertando o Brasil da “velha política”, ao lado de Fernando Collor de Mello e de políticos do Centrão, como Jair Bolsonaro fez na terça-feira, 17/5, no interior de Sergipe, seria até engraçado se não fosse patético, grotesco, idiota, boçal – e mentiroso. Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (12)”

Marina em modo saudade!

Criança já tem saudade.

Marina hoje demonstrou lembrar com saudade – uma saudade boa, gostosa – de algo que acontecia na vida dela dois anos atrás, quando tinha 7 anos e, pandemia da Covid em seus primeiros e duríssimos meses, ela ganhou uma nova rotina na vida, a de brincar com os avós diante da tela do iPad. Continue lendo “Marina em modo saudade!”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (10)

Tudo, absolutamente tudo o que o desgoverno Bolsonaro faz é nocivo ao Brasil e aos brasileiros. Sim, a luta incessante contra a democracia e as instituições republicanas – como essa absurda batalha contra as urnas eletrônicas e a Justiça Eleitoral como um todo – é o pior de tudo. Mas a cada semana, a cada dia, os jornais e as emissoras de TV independentes noticiam novos horrores.    Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (10)”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (9)

“É preciso reagir aos crimes de Bolsonaro”, diz, com toda a razão do mundo, o título do principal editorial de O Estado de S. Paulo deste sábado, 7/5. E o editorial já abre dizendo o fundamental: “O Congresso e a Procuradoria-Geral da República (PGR) têm o dever de reagir às ameaças e agressões que Jair Bolsonaro vem cometendo contra a Constituição, a legislação eleitoral e a Lei 1.079/1950 (Lei do Impeachment). Não podem ficar passivos perante tão insistente violência do presidente da República contra a ordem jurídica e o regime democrático.” Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (9)”

De pai pra filho, de filho pra pai

Outro dia vi no Caderno 2 do Estadão que estava estreando um filme sobre Laura Pausini. Não conheço coisa alguma de Laura Pausini, a rigor, mas tenho simpatia por ela, assim, do nada, e então, numa dessas noites em que, depois de ficar escrevendo sobre filmes e bebendo algumas, vou me juntar a Mary na sala e lá procuro músicas ao léu, ao random, ao shuffle no YouTube, caí em Laura Pausini cantando “Strani Amori”. Continue lendo “De pai pra filho, de filho pra pai”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (8)

A inflação está em disparada, o acumulado de 12 meses passou dos 12%. A prévia de abril do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) foi de 1,73%, a maior alta para o mês desde 1995 e a maior variação mensal desde fevereiro de 2003. Mas Jair Bolsonaro só se ocupa de avançar na escalada contra as instituições. Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (8)”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (7)

Jair Bolsonaro tratou de, em menos de uma semana, dar completa razão ao ministro Luís Roberto Barroso, que havia afirmado, em seminário no último fim de semana, que as Forças Armadas estão sendo orientadas a questionar a lisura do processo eleitoral brasileiro.

Em duas oportunidades o presidente, de viva voz, instou as Forças Armadas a continuar a questionar a transparência da votação eletrônica, sempre “embasando” seu clamor em informações falsas. Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (7)”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (6)

A imprensa tem cumprido seu papel. Desde o feriado de Tiradentes, quando Jair Bolsonaro fez seu gesto mais ousado contra as instituições após assumiu a Presidência, ao decretar a impunidade do deputado arruaceiro pitbull que o SFT havia condenado – menos de 24 horas antes – a 8 anos e 9 meses de prisão, os grandes jornais brasileiros e o noticiário das emissoras de TV independentes vêem mostrando o absurdo da situação. E feito duras críticas aos atos golpistas do presidente. Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (6)”

Sim às câmaras nas fardas

O programa de instalação de câmaras nos uniformes dos policiais militares é uma das várias admiráveis realizações do governo João Dória no Estado de São Paulo. Após o início da implantação do programa, chamado Olho Vivo, em agosto de 2020, a média mensal de mortes causadas por PMs em serviço caiu de 1,07 para 0,16 (85%) nos batalhões que passaram a usar as câmaras. Entre os demais batalhões, a queda foi de 0,28 para 0,18 (35%). Continue lendo “Sim às câmaras nas fardas”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (5): o indulto à arruaça

Até o início desta semana, o ponto mais alto da cruzada de Jair Bolsonaro contra a democracia e as instituições da República haviam sido os discursos golpistas que fez primeiro em Brasília e depois em São Paulo, no dia 7 de setembro. Eram palavras – e ficaram pequenas diante do decreto que indultou o deputado Daniel Silveira nem sequer 24 horas depois de o Supremo Tribunal Federal condená-lo praticamente por unanimidade – 10 votos em 11 – a 8 anos e 9 meses de prisão por ameaças e incitação à violência. Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (5): o indulto à arruaça”

Livrar o Brasil de Bolsonaro (4)

“É preocupante, desesperadora até, a bomba fiscal que vem sendo gestada em Brasília. Na tentativa de aumentar suas chances nas eleições de outubro, o presidente Jair Bolsonaro passou a conceder benesses que deteriorarão ainda mais um Orçamento onde já não existe espaço para nada e aumentarão o risco de déficits crescentes nas contas públicas.” Continue lendo “Livrar o Brasil de Bolsonaro (4)”