E-mail à Emissora!

Desculpa aí gente mas não vai dar pra comparecer à entrevista do dia porque vou estar ocupado.

Como vocês sabem, hoje, um de fevereiro, tem a cerimônia de abertura do ano judiciário. Como presidente eu deveria ir mesmo que virtualmente, mas não tô a fim, não. Vou é pegar um helicóptero e dar umas voltas sobre as cidades afetadas pelas chuvas lá na terra do calça apertada. Assim, dou uma cutucada no meu adversário, aquele que correu para fazer vacina pra população só pra me afrontar. Malandro ele. Como se não bastasse ter dado a largada, ainda fica fazendo propaganda da vacina, dizendo que ela salva vidas. Faz de propósito, claro, porque ele sabe que mandei fazer toneladas de comprimidos de hidroxicloroquina lá no laboratório do Exército e que agora preciso desovar. Mas com o maldito imunizante circulando por aí, e muita gente pegando no meu pé, tá ficando difícil. Por isso mesmo mandei o Ministério da Saúde expedir uma nota técnica reconhecendo que a hidroxicloroquina combate a Covid e a vacina não. Só que logo apareceu gente, dessa que só acredita na Ciência, que reclamou da nota. Me encheram tanto o saco que tive de mandar trocar umas palavrinhas e publicar a nota de novo pra enganar esses babacas. Agora tá tudo certo. Também mandei meu pessoal dar uma melada nessa vacinação infantil porque criança não pega Covid. Pega? Eu nunca ouvi falar. Falei pros profissionais da saúde que estão do meu lado pra segurar essa onda. Que é pra falar que precisa de prescrição médica e de autorização dos pais, tudo documentado com apresentação de RG, CPF, CEP, OAB, USP, PUC, PFL, PQP, e o caraleo a quatro só pra ver se o povo desiste.

Mas, como ia dizendo, resolvi dar esse passeio também pra não ter de participar daquela patacoada com os ministros que só pensam em me ferrar. Ceis viram a última deles? O careca acha que pode me mandar pra PF prestar esclarecimentos sobre vazamento de investigação que eu passei numa live. Passei mesmo, e daí? Eu sou o presidente, porra! Mando em todo mundo. Falei que ia mas não fui. Eles devem estar roendo azunha de raiva, hahaha, e agora acham que vão poder fazer alguma coisa mandando a denúncia pra PGR. Aras, seus tontos! Acham que lá vai rolar alguma coisa contra mim? Tirem seus cavalinhos da chuva.

E por falar em chuva, tá mesmo tudo cheio de água lá embaixo. Cacete! Será que foi assim também em Minas e na Bahia? Eu não tive como sobrevoar esses lugares porque tava viajando. No episódio de Minas tava no Guarujá. (Cara, nem te conto da menina que apareceu na lancha dançando funk. Até arrisquei uns passinhos. Foi divertido.) E no da Bahia eu tava em Santa Catarina. Fui refrescar minha cabeça. Fiz passeios de jet ski e também fui num lugar que parece a Disney, só que o único Pateta que tinha lá era eu. Hahahaha! Essa foi só pra vocês pararem de dizer que só faço piada com as calças e as crateras do Dória. Faço comigo também.

Bom, já vi que tá tudo alagado e muita casa soterrada, mas querem que eu faça o quê? Não sou bombeiro! E depois esses flagelados estão nessa situação porque eles não têm visão de futuro. Podiam estar comprando, não digo uma mansão em Brasília porque não é todo mundo que pode, mas uma casa mais bem situada. Só que eles preferem construir nas encostas, fazer o quê!

Vou parando por aqui e vocês escolhem aí o que vão querer publicar desse e-mail. Ah, e pelamor, não soltem mais aquele vídeo onde como frango e me emporcalho com farofa. Já mandei tirar de circulação porque pegou mal, andaram me chamando de porco pra baixo. Coisa do Carluxo, sacumé? Mas é um bom menino e tô querendo que ele seja meu coordenador de campanha para presidente. Com ele, sinto que essa já tá no papo!

Outra hora apareço aí pra uma entrevista ao vivo. Abraços!

Esta crônica foi originalmente publicada em O Boletim, em 4/2/2022. 

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.