O que Dilma vai dizer daqui a pouco

Daqui a 32 minutos, a presidente da República falará em cadeia nacional de rádio e televisão.

Em seu pronunciamento, daqui a pouco, a presidente abordará os seguintes pontos:

1 – O governo do PT tirou tantos milhões de pessoas da miséria;

2 – Os governos que vieram antes do PT jamais tinham trabalhado pelo bem-estar do povo;

3 – Quando o PT assumiu o governo (sem citar que foi dez anos e meio atrás), a situação econômica estava sem controle; foi preciso o PT para botar as coisas em ordem;

4 – O Brasil, até o PT assumir o governo, era um país sem importância na comunidade internacional. Foram os governos do PT que transformaram o Brasil em um país importante, respeitado no mundo inteiro.

Alguém quer apostar quantos pontos vou acertar?

***

Não acertei sequer um ponto. Me ferrei.

Acho que fui ingênuo. Quando escrevi o textinho aí acima, faltando pouco para o pronunciamento de Dilma Rousseff, imaginei que o texto seria escrito por um pool de petistas. Não foi. Foi escrito por profissionais, sob a supervisão de um marqueteiro bom de serviço, João Santana. Fizeram um texto profissional para Dilma ler.

É preciso reconhecer: de marketing, eles são bons mesmo.

21 de junho de 2013

4 Comentários para “O que Dilma vai dizer daqui a pouco”

  1. Eu nunca vou saber o placar, porque não consigo mais ouvir nenhum pronunciamento em “dilmês”.

  2. Sérgio errou tudo! Como adivinho zero, como jornalista zero.
    Aguardemos a critica ao pronunciamento da presidenta que choveu no molhado. Pediu trégua.
    Está com medo. Ameaçou com repressão, porrada, polícia.
    Manifestação, protestos sem quebra quebra é convescote.
    Fora FIFA, fora copa.
    Neguinho tá de olho, neguinho tá na rua. Tão acostumado a levar porrada, não adianta ameaça, nosso medo é a direitona reacionária que quer manter privilégios. Mas sem luta não haverá mudanças. O povo está nas ruas! Acordou após FHC/Lula. Por sinal, estão quetinhos nos seus institutos.

  3. Não esquecer de dar credito ao jornalista nepotista Franklin sw Souza Martins.

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.