O Enem dá certo. Dilma fica irritadíssima

Diálogo de Mercadante com Dilma sobre o Enem.

Mercadante:

– Presidenta, podemos bater no peito e, sem dúvida, dizer que este foi o primeiro Enem sem problemas. Tudo deu certo.

Dilma:

– Tudo?

Mercadante:

– As provas, a segurança. Tudo. Estamos sendo elogiados, até pela imprensa, como o melhor Enem já realizado.

Dilma:

– Não deu problema algum? Nenhum problema, mesmo pequeninho?

Mercadante:

– Não, nenhum. Alguns chegaram atrasados e anulamos 65 inscrições de candidatos que postaram fotos dos cadernos de prova e da folha de resultados no Face. Agimos rápido e cancelamos de imediato a inscrição deles. Estamos sendo elogiados.

Dilma (um pouco irritada):

– É? Melhor você arrumar um probleminha qualquer. Mesmo pequeno.

Mercadante:

– Como?

Dilma, irritadíssima, tecla o telefone interno:

– Chama o João Santana. Urgente!

Mercadante:

– Como, presidente?

Dilma:

– Pega mal para o Haddad. Ele ganhou a Prefeitura…. (Aos gritos, irritada, irritadíssima, irritadérrima.) Cadê o João Santana?????

 Outubro de 2012. 

Recebi essa colaboração com o 50 Anos de Textos de uma pessoa que pediu o anonimato. Eu mesmo não sou anônimo. Posso divulgar meu CPF, meu RG, meu MTB, meu qualquer coisa. (Sérgio Vaz)

 

 

 

 

2 Comentários para “O Enem dá certo. Dilma fica irritadíssima”

  1. DIÁLOGOS REAIS, assinados e assumidos.
    contra a privatização do Maracanã atual espaço público. Publicados no Blog do Juca Kfouri.
    Pedro Luis Catraca disse:
    06/11/2012 às 10:25 AM
    É isso aí! Todos lá! Afinal de contas, é obrigação de todos os brasileiros, mesmo aqueles que detestam futebol, pagar pelo Maracanã, pelas dívidas do Flamengo, pelo Itaquerão, pela reforma da Baixada… Abaixo o neoliberalismo!!! Viva Obama!!! Viva Marighella!!! Hay que endurecer!!! Elvis não morreu!!! Como é que é, presidenta?
    Laroyê disse:
    06/11/2012 às 10:22 AM
    Grande Juca…esse seu blog é um dos poucos espaços para a manifestação do pensamento consciente no esporte desse país. Todos os pensantes, os que buscam a justiça social e os solidários devem se unir contra essa privataria e contra mais esse golpe a favor de exploradores privados. abraço a todos

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.