O nome é Rosa

Um dia antes da manifestação que o PT pretende vistosa para registrar Lula como candidato, a ministra Rosa Weber assumirá a chefia do TSE. Caberá a ela definir o rito de exclusão do primeiro condenado em segunda instância – e preso – a solicitar a inserção de seu nome entre os postulantes à Presidência da República. Continue lendo “O nome é Rosa”

As voltas que a política dá

Continue lendo “As voltas que a política dá”

Cadernos de receitas

Velhos cadernos de receitas fazem bem ao paladar, ao afeto e à memória de uma família. Em nossa casa temos dois; um para salgados, outro para doces. Estão bem velhos, um deles sem a capa. As receitas, lançadas à mão, mostram caligrafias diferentes. Continue lendo “Cadernos de receitas”

O novo será cumprir a lei

Ao contrário do dito popular do futebol, política não é uma caixinha de surpresas. Quanto mais por aqui, onde as regras são definidas pelos próprios jogadores que querem continuar em campo. Perdeu quem apostava em alguma novidade nas alianças agora anunciadas, que, após ameaças de vindas e idas, recolocam os competidores nas suas raias habituais. Continue lendo “O novo será cumprir a lei”

De Somoza a Ortega

A esquerda latino-americana voltou a se reunir em Cuba, no Foro de São Paulo, do qual participou a presidente do Partido dos Trabalhadores, Gleisi Hoffmann. Dela não se espere uma palavra de solidariedade aos nicaraguenses, vítimas da ditadura sanguinária de Daniel Ortega, um ícone dos bolivarianos e terceiro-mundistas. Continue lendo “De Somoza a Ortega”