Arquivos Mensais: outubro 2017

“A ausência de limites é inimiga da Arte”, como disse Orson Welles

“Minha afirmação como artista explica que meu trabalho é totalmente incompreensível e, portanto, cheio de significados!”, escreveu  Bill Watterson, criador da genial tirinha “Calvin e Hobbes”. Ler Mais »

Em busca do centro perdido

A um ano da eleição presidencial, as pesquisas já causam frisson. Petistas soltam fogos com a resiliência de Lula. No extremo oposto os seguidores de Jair Messias Bolsonaro dão cambalhotas de felicidade, como se a polarização esquerda-direita já fosse coisa decidida. Ler Mais »

O bibe

O fulgor do ouro cegou o século XXI. Olhem para as artes plásticas e vejam a ferocidade com que o dinheiro se arrogou o direito de ser o critério de beleza deste tempo. “Nada abaixo das cinquenta mil libras é arte”, avisou, irónico e humilhado, o crítico de arte Anthony Howell. Ler Mais »

Está melhorando (16)

O Brasil, todo mundo sabe, não é um país simples, fácil de se compreender – mas nos últimos tempos anda batendo recordes. Segundo pesquisa recentíssima do Datafolha, 36% dos brasileiros votariam em Lula para presidente da República, e, segundo outra pesquisa recentíssima do mesmo Datafolha, 54% dos brasileiros querem Lula preso pelos diversos crimes que cometeu. Ler Mais »

Derrapadas supremas

É grave o imbróglio entre o Senado e o Supremo Tribunal Federal depois que a 1ª Turma afastou Aécio Neves (PSDB-MG) de suas funções legislativas, apreendeu seu passaporte e determinou seu recolhimento noturno – mas é só parte da crise. Ao se enveredar por trilhas heterodoxas, o STF, que deveria ser o guardião constitucional, juízo máximo e definitivo, abre-se para toda sorte de críticas, se enfraquece e, consequentemente, fragiliza o já bambo equilíbrio institucional do país. Ler Mais »