Brasilidades

Foi mais uma semana extraordinária.

A operação Lava Jato continua deixando cadáveres à beira do caminho. O último foi um vice-almirante, chamado pelos “nacionalistas” de “pai do programa nuclear brasileiro”, abatido a golpes de propinas que, segundo as denúncias apresentadas, somariam R$ 4,5 milhões de reais. Continue lendo “Brasilidades”

Nunca houve governo tão incompetente (16)

É preciso acabar de uma vez por todas com a lenda segundo a qual a presidente Dilma Rousseff enfrenta imensas dificuldades políticas porque não é afeita ao varejo das negociações com o Congresso e porque ela tampouco se anima a se expor aos eleitores em busca de popularidade. Continue lendo “Nunca houve governo tão incompetente (16)”

A uma jovem leitora

zzzzmanuel1

Uma jovem lei­tora per­gun­tou e eu res­pondo: o que nos empurra para a morte é a mudança, a mudança que já não pre­cisa de nós. O pas­sado, todo esse mundo mara­vi­lhoso em que vive­mos e apren­de­mos, dei­xou de inte­res­sar aos mun­dos que vie­ram a seguir a nós. Continue lendo “A uma jovem leitora”

A profecia de Dilma

Crise é crise e não adianta chorar pitangas depois que ela eclode. Sabe-se que é preciso achar saídas, por mais dolorosas que elas sejam. Sabe-se também em quais ombros recai a fatura, já materializada nas contas de luz, nos preços dos alimentos, do transporte, dos bens e serviços, no emprego que vai embora.  Continue lendo “A profecia de Dilma”

Jornalista dos tempos jurássicos cria novo aplicativo

Confesso que sou da época da máquina de escrever, do telex e da telefoto (leitor jovem, vá ao Google). Não considero aqueles tempos jurássicos, como o brilhante editor Carlinhos, num vacilo, titulou matéria que fiz no Diário do Comércio; eram tempos heróicos. Continue lendo “Jornalista dos tempos jurássicos cria novo aplicativo”

Luta titânica

Talvez o Brasil esteja virando a página da impunidade, sem que tenhamos plena consciência da enorme dimensão disso.

A grande lição da operação Lava-Jato é essa: a lei vale para todos. E cadeia não foi feita apenas para quem comete crime, é pobre e negro. Continue lendo “Luta titânica”

O golpe da redenção

“Não se esqueçam, companheiros e companheiras, que gritamos ‘Fora Collor’ e gritamos ‘Fora FHC’. E o ex-presidente Collor saiu da presidência num processo legal, dentro da democracia, e é isso que eles pretendem fazer agora: expelir a Dilma dentro de um processo democrático.” (Rui Falcão, presidente do PT, em ato púbico na Uninove.) Continue lendo “O golpe da redenção”