Arquivos Mensais: junho 2012

O verdadeiro golpe no Paraguai

A TV estatal do Paraguai ficou 26 minutos fora do ar por falta de energia elétrica e os alucinados constitucionalistas da Constituição alheia que cresceram como erva daninha nas redes sociais viram isso como um sintoma de “repressão” e atentado às liberdades públicas. Ler Mais »

Más notícias do país de Dilma (57)

Voltamos àqueles tristes tempos – dos quais o País parecia ter se livrado definitivamente, após o Plano Real – em que a cada mês o governo anuncia um novo pacote econômico. Na quarta-feira, 27 de junho, foi anunciado mais um. Economistas e empresários ouvidos pelos jornais disseram que o impacto das medidas sobre a economia deverá ser mínimo. Ler Mais »

Esperanto? Pra quê? (3) O que significa hegemonia linguística?…

Quando se analisa um Atlas Histórico, verifica-se correntes migratórias ao longo de toda a história da humanidade. Muitas são as causas que levam um grupo de uma determinada cultura à ocupação de outra região. O resultado porém, sempre, foi um só: uma inevitável fusão de ingredientes culturais, cujas proporções variam. Ler Mais »

Bem-vinda, Miryam Wiley

Insisti muito com Miryam Wiley para que ele participasse deste 50 Anos de Textos. Foi uma luta. Ler Mais »

The children play, like yours and mine

I listened attentively as Mr. Lilo Mancia started to talk.

“It’s been one month since Immigration took my wife,” he said. “Every day is painful for the children to be without their mother. My younger son is a citizen, the other came here as a baby. We came here for a better life for our family.” Ler Mais »

Eduardo Campos sai na frente

A 100 dias das eleições municipais, poucos são os que se arriscam – a não ser por mera torcida – a fazer alguma previsão de resultado que possa ser levada a sério. Como se diz, muita água ainda vai rolar sob a ponte. Ler Mais »

Dia de lembrar três amigos

Reservo a manhã para procurar em papéis antigos um texto que não encontro no computador. Esses momentos sempre me reservam surpresas. Escritos feitos há tempos, esquecidos, reaparecem e, muitas vezes, de alma nova. Ler Mais »

O coelho de Brigitte Bardot

O pé des­calço emo­ci­ona sem­pre. Nada é mais pobre do que o sumá­rio pé des­calço. Minto. O pé des­calço, na sua prís­tina nudez, tam­bém nos atira aos olhos com a sump­tuá­ria excen­tri­ci­dade do mili­o­ná­rio, o exo­tismo de uma Cleópatra. Ler Mais »

Um pouquinho de Maceió

Nunca fui a Fortaleza, nem a João Pessoa – as duas únicas capitais do Nordeste que não conheço. Mas estive agora em Maceió pela terceira vez. Ler Mais »

O satânico doutor Paulo

“A fotografia é subversiva não quando assusta, perturba ou até estigmatiza, mas quando é pensativa”. ( Roland Barthes)

É muito provável que Paulo Salim Maluf jamais tenha ouvido falar de Roland Barthes nem de semiótica. Nem ele, nem Luiza Erundina. Mas com certeza nenhum dos dois desconhece o ditado “uma foto vale mais do que mil palavras”. Ler Mais »

O Plano Brasil Menor

“Vai muito bem o Plano Brasil Menor, eixo principal da política de subdesenvolvimento executada pelo governo da presidente Dilma Rousseff. Colocado em 53.º lugar na pesquisa de competitividade do Fórum Econômico Mundial, o País deve seguir o rumo ditado pelo governo da Argentina, ocupante do 85.º posto na classificação de 2011-2012. Ler Mais »

Más notícias do país de Dilma (56)

Nestes últimos dias, em que o país assistiu ao espetáculo escandaloso, obsceno, encenado nos jardins da mansão de Paulo Maluf, e muita atenção era dada à Rio+20 – que alguém chamou, com perfeição, de Rio Menos 20 -, passou praticamente despercebida uma outra má notícia: o governo Dilma Rousseff criou mais uma estatal. Ler Mais »

Vale tudo

Criado para democratizar o processo eleitoral, permitindo a todos os partidos e candidatos acesso à comunicação de massa, o horário eleitoral obrigatório de rádio e TV há muito conspira contra a sua inspiração original. Ler Mais »

O direito de ser feliz

O vinho desce suavemente pela garganta e a voz de Alaíde Costa inebria mais que o álcool. Os dois, delicadamente, vêm me aquecer nesta noite de inverno. Se bem que nem inverno oficial é, mas o que o corpo sente e o termômetro indica me faz prever que o frio veio para ficar. Ler Mais »

Uma carta para Greta Garbo

A mulher muito bela pode ser uma lua cheia de soli­dão. Um dia, veio à Amé­rica o ver­da­deiro casal real bri­tâ­nico, Vivien Leigh e Lau­rence Oli­vier. Hollywood que­ria que Leigh fosse a Scar­lett de E Tudo o Vento Levou. Ler Mais »