Más notícias do país de Dilma (54)

Claro: tem horas que dá vontade de simplesmente jogar a toalha. Não adianta nada, nada adianta nada. Os caras vieram para ficar para todo o sempre. São muito mais espertos que nós. Já tomaram de assalto todo o Estado, a União: privatizaram para eles as instituições todas. Ocuparam todos os espaços possíveis. Continue lendo “Más notícias do país de Dilma (54)”

Lula, Bastos e um coração bobo

O silêncio anunciado do principal protagonista, os deploráveis joguetes de governistas e da oposição. Tudo enfadonho. Até agora, o único acontecimento digno de nota na CPI mista que deveria investigar as ilicitudes públicas e privadas de Carlos Cachoeira foi Márcio Thomás Bastos, ex-ministro da Justiça de Lula, sentado, atento e aplicado, ao lado de seu cliente contraventor durante mais de duas horas de interrogatório inócuo. Continue lendo “Lula, Bastos e um coração bobo”

Cachoeira e as coisas da vida

Como disse o renomado filósofo contemporâneo Wagner Love, quem nunca capotou com o carro?

Tomando-se como ponto de partida essa profunda e dilacerante reflexão existencial, poderíamos replicá-la para outros cenários onde se desenvolve a penosa e enriquecedora experiência humana em busca de uma explicação para o sentido da vida. Continue lendo “Cachoeira e as coisas da vida”

“Você é nosso e nós somos teu”

Português abaixo da crítica, conteúdo mais baixo ainda. Assim pode ser definida a mensagem do deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP) ao governador Sérgio Cabral, flagrado pelas câmaras do SBT durante reunião da CPI mista que deveria investigar as estripulias do contraventor Carlos Cachoeira. “A relação com o PMDB vai azedar. Mas não se preocupe. Você é nosso e nós somos teu.” Continue lendo ““Você é nosso e nós somos teu””

Cotidiano brasileiro

A cada dia precisa-se acordar mais cedo para ir em direção ao trabalho. Mora-se mais longe, o transporte público é uma lástima e quem disse que se trabalha oito horas por dia? E o tempo que se gasta da casa para o trabalho e do trabalho para casa não conta? Se não influi no salário, prejudica muito a vida das famílias dos brasileiros. Continue lendo “Cotidiano brasileiro”