Uma maravilha: Acima de Qualquer Suspeita, 21 Anos Depois

Vinte e um anos depois de se sentar no banco dos réus acusado de ter assassinado Carolyn Polhemus, sua colega e amante, Rusty Sabich, ex-promotor, agora juiz-presidente do Tribunal de Recursos Estadual, torna-se suspeito de assassinar sua própria mulher, Barbara. Continue lendo “Uma maravilha: Acima de Qualquer Suspeita, 21 Anos Depois”

O mineiro e o minério

Vozes da cidadania me chamam e não posso ignorá-las. Quem anda pelas Minas Gerais se deslumbra com suas surpreendentes paisagens, pelas montanhas, rios e vales. E se enamora de sua gente simples, sábia, pronta para receber com simpatia todos os viajantes. Continue lendo “O mineiro e o minério”

Quem disse que filho de preto com branca (ou vice-versa) é preto?

Meu Deus do céu e também da terra, não existem “negros”, ou “brancos”. Para começo de conversa, existem seres da raça humana, uma única raça. Para término de conversa, todo mundo é mestiço. Continue lendo “Quem disse que filho de preto com branca (ou vice-versa) é preto?”

Moeda podre

Nem os países da zona do euro, nem o baque de 38% na geração de emprego formal. Nada, mas nada está tão em baixa quanto a cotação da moral, forçada pela alta acelerada dos índices de sem-vergonhice e da cara-de-pau. Continue lendo “Moeda podre”

Mineiro: o queijo

Na mão a faca e o queijo. Não qualquer um, desses fabricados pelos grandes laticínios, feitos com leite pasteurizado, à moda norte-americana. Ou aquela coisa mole, soro puro, que faz sucesso nos supermercados e lojas sofisticadas do país. Continue lendo “Mineiro: o queijo”

A voz do dono

Ícone da participação partidária, do estímulo ao debate entre correntes diversas e, portanto, da democracia interna, a consulta prévia para escolher candidatos majoritários do PT foi para o saco. E não só na cidade de São Paulo, onde os quatro postulantes cederam gentilmente a vaga ao pupilo da vez do ex-presidente Lula. Continue lendo “A voz do dono”